Dúvida cruel!

Pois bem, cá estou eu, nas vésperas dos meus dezoito anos, com uma duvida que nunca imaginei que teria, ” O que fazer da minha vida?” Sempre soube o meu rumo, o que seguir, sempre acreditei que poderia fazer tudo, que minha vida seria um mar de rosas. Hoje sei que não será bem assim.

  Logo nos meus primeiros anos de vida, discursava como seria uma ótima veterinária, e segui essa ideia por muito tempo até aos quatorze anos descobrir que o que me regia, era a moda, e que seria completamente incapaz de exercer a profissão de veterinária. Desde os quatorze anos sei o que quero, e sim ainda sei, pensava que ao me formar iria embora para fazer uma faculdade, e não foi o que aconteceu. Percebi que ir embora custa caro, muito caro e que eu não poderia exigir tal coisa dos meus pais, portanto desisti, e procurei outro rumo, publicidade, arquitetura, foi o que pensei e acho que ainda penso, mas como é difícil se esforçar, estudar, dar tudo de si, quando não se tem certeza do que quer, porque fazer uma faculdade quando não irá exerce-la? porque perder 4-5 anos preciosos da sua vida, fora dinheiro, material etc, em uma faculdade que não te renderá muita coisa? onde encontrar motivação para estudar perante essa situação? Pois bem, não encontro, e como procuro!

Ano que vem faço 19 anos, e não posso mais perder tempo, estou tão em dúvida! tento refletir, mas sei que meu inimigo é muito forte e vencê-lo será uma tarefa árdua. Hoje me basta refletir, pensar no futuro, se vale apena. E deixo vocês com uma pergunta simples: O que vos fazem felizes?

Anúncios

8 comentários sobre “Dúvida cruel!

  1. Oi Luiza, também fiquei muito em dúvida quando me perguntei o que queria fazer, qual minha vocação, eu sempre gostei de artes desde pequena quando desenhava inventava personagens e sempre achei que seria uma artista, ilustradora, desenharia quadrinhos, e vi que esse universo é realmente de dificil ingresso, também sempre gostei de cinema, ler roteiros, analisar filmes e em determinado momento eu quis fazer cinema e vi meu deslumbramento ir por agua a baixo, me apaixonei pela Arquitetura e quero fazer até hoje, amo criar algo principalmente para que outras pessoas se sintam bem e algo que exprima a identidade de um morador, da cultura de um povo. Mas então eu resolvi tentar um curso que não tinha uma visão muito rasa a respeito do que era: Ciências Sociais, apesar de gostar muito da área de humanas eu nunca havia imaginado para mim ser uma Antropóloga, Socióloga, Cientista social ou Cientista Política, mas comecei a pesquisar sobre o curso e agora que estou nele estou amando cada vez mais, é um curso muito amplo que envolve cultura, pensamento do homem, estudo de etnias etc. Não é um curso que sei levarei para a vida toda como carreira, mas é algo em que estou aprendendo muito, principalmente convivendo com a diversidade. Eu ainda quero muito meu curso de Arquitetura, Deus sabe como quero! rs Mas vi que tudo tem seu tempo, eu também pensava em mudar de cidade, morar sozinha, ter uma vida perfeita etc. Mas e se a vida perfeita só vem depois de muita luta?
    O que quero dizer é que nossos sonhos podem ser alcançados mas podem precisar passar por umas quedinhas antes, Aquilo que nos cai de mão beijada também não tem graça! As faculdades e universidades por ai estão cheias de riquinhos que os pais bancam, mas eles nunca se interessaram de fato por nada, podem se tornar profissionais mas não bons profissionais, pois não tiveram um olhar especial pelo que fazem nem almejaram aquilo, nem passaram por dificuldades, e faltará o amor pela profissão, faltará o talento.
    Você tem um talento lindíssimo, e primeiro: um bom profissional começa a se fazer fazendo aquilo que gosta pra si mesmo, e então vai alcançando conhecimentos pela vida até poder ter seu talento reconhecido. Não desanime, a faculdade é só uma fase e hoje em dia principalmente nos cursos mais alternativos, tem muitos profissionais que se sobrassaem em uma área e fizeram outro curso. Não sei se deu pra entender rs.
    Mas estude, não tenha medo de encarar, estou estudando bastante pra faculdade, e também tenho que estudar outras matérias pois ainda quero passar em meu curso de Arquitetura,não sei quando o farei ´pois estou amando a área de Ciências Sociais! Estou cogitando até começar a voluntariar como professora de apoio em Sociologia, coisa que nunca havia imaginado! Mas creio que será uma experiência enriquecedora para mim.
    Agora não tenha medo, vá em frente, estude, mostre seu talento, leia bastante, seja feliz, e nossa, 19 anos! O que é isso, você é muito jovem, e mesmo quando avançamos cada vez mais em idade, ela não impede um verdadeiro talento!
    Só pra te dar uma idéia de que não devemos temer a dúvida e que ela é comum, vou citar cursos que já pensei em fazer: Artes visuais, Artes Teatro, Cinema e Audiovisual, Publicidade e Propaganda, Gastronomia, Medicina(sim, eu ja quis ), Jornalismo, Letras, Arquitetura e Urbanismo ( esse eu ainda quero). O que estou querendo dizer é que podemos seguir em frente e ultrapassar a dúvida, tentar novas coisas e adquirir conhecimento. Eu ainda cogito, fazer um curso de culinaria, que não é gastronomia, mas quebra o galho, rs pois é algo que me acalma.
    Podemos fazer varias coisas, pense em um conjunto de vida feliz e veja que ela é prenchida por muitos projetos que podemos realizar.
    Bom, vou parar por aqui, porque acho que já está parecendo o primeiro capítulo de um livro de tão extenso o texto!
    Beijos e boa sorte, muita felicidade, e bons estudos!

  2. Me vi em você quanto tinha 18 anos (ok não sou tão velha assim) essas dúvidas fazem parte das nossas vidas…se eu entendi a questão a que vc se refere é a faculdade? se for isso só digo uma coisa: Se é moda que você ama, então foque nisso MESMO, ESTUDE porque o resultado de um esforço tão grande sempre vem. Digo isso por experiência própria. Não existe coisa melhor nesse mundo do que trabalhar naquilo que se ama “trabalhe no que você ama e nunca vai precisar trabalhar” e em relação a isso ” porque fazer uma faculdade quando não irá exerce-la? porque perder 4-5 anos preciosos da sua vida” em parte você tem razão, mas uma universidade, mesmo que não seja o curso que você queira e mesmo que não se forme , muda muuuito a sua mente e a forma como se vê o mundo. Em fim, tá muito grande esse coments :O haha se falei besteira sorry ^^ é que realmente me vi em você anos atrás
    Bjs :*
    P.s idade não define nada! nunca é tarde pra fazer o que gosta, só perde tempo nessa vida quem quer.o/

    • Cara, seu comentário veio na hora certíssima, acabei de desistir temporariamente de fazer faculdade, e vou me dedicar ao que posso por enquanto: costura, desenho, fazer o que posso. Acho que não conseguiria ir assim tão oposto ao que quero, e não sei se vale apena perder tempo ou tomar a vaga de uma pessoa que realmente quer aquilo. Muito obrigada pelo cmentário 🙂 bjs

  3. Eu também tinha essa dúvidas, e te digo entrei na faculdade com dúvidas. Pulei em três cursos diferentes, porém exatas é o que eu gosto. Da dificuldade, do pensar e etc.
    Engenharia é o que curso, mas precisamente de Petróleo . Quando terminar, farei pós em geologia, e não é porque virou modinha.. mas o mundo da perfuração, calculos, desafios e meio ambiente sempre me fascinou.

    Boa sorte com a sua escolha ..
    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s